Sicoob Credisulca ajuda comerciantes a identificarem notas falsas

Palestra ministrada por colaboradora do Sicoob Credisulca levou informação sobre as cédulas do Real a associados da CDL de Turvo

As cédulas de dinheiro são objetos de fascínio por grande parte da população. Desde a cor aos elementos gráficos, elas chamam a atenção pela beleza e em especial pelo valor que representam. Emitidas pelo Banco Central do Brasil, as notas possuem alto padrão de segurança e mesmo assim, elas não estão livres da atuação de criminosos.


Para auxiliar os comerciantes de Turvo/SC a identificarem uma nota verdadeira, produzida pela Casa da Moeda nacional, de uma nota suspeita, o Sicoob Credisulca ministrou palestra nos últimos dias 25 e 26, na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).



A agente de Controle Interno da Credisulca, Adriana Duminelli, levou importantes informações que ajudam a identificar todos os itens de segurança da primeira e segunda família do Real. “A palestra foi muito produtiva, os participantes se mostraram muito interessados no assunto e curiosos em identificar na prática as diferenças entre as notas verdadeiras e suspeitas de serem falsificadas”, detalhou Adriana.


Entre os itens de segurança, Adriana ressaltou a textura do papel, o relevo e os diversos itens que podem ser conferidos com a ajuda da luz branca ou ultravioleta. “Esta foi uma ótima oportunidade de passar orientações ao comércio, que trabalha diariamente com o manuseio do dinheiro e ao mesmo tempo aproximar a cooperativa da comunidade, levando informações relevantes para a sociedade”, comentou a diretora Jerusa Scarabelot.

As cédulas de dinheiro são objetos de fascínio por grande parte da população. Desde a cor aos elementos gráficos, elas chamam a atenção pela beleza e em especial pelo valor que representam. Emitidas pelo Banco Central do Brasil, as notas possuem alto padrão de segurança e mesmo assim, elas não estão livres da atuação de criminosos.

Para auxiliar os comerciantes de Turvo/SC a identificarem uma nota verdadeira, produzida pela Casa da Moeda nacional, de uma nota suspeita, o Sicoob Credisulca ministrou palestra nos últimos dias 25 e 26, na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

A agente de Controle Interno da Credisulca, Adriana Duminelli, levou importantes informações que ajudam a identificar todos os itens de segurança da primeira e segunda família do Real. “A palestra foi muito produtiva, os participantes se mostraram muito interessados no assunto e curiosos em identificar na prática as diferenças entre as notas verdadeiras e suspeitas de serem falsificadas”, detalhou Adriana.

Entre os itens de segurança, Adriana ressaltou a textura do papel, o relevo e os diversos itens que podem ser conferidos com a ajuda da luz branca ou ultravioleta. “Esta foi uma ótima oportunidade de passar orientações ao comércio, que trabalha diariamente com o manuseio do dinheiro e ao mesmo tempo aproximar a cooperativa da comunidade, levando informações relevantes para a sociedade”, comentou a diretora Jerusa Scarabelot.

Compartilhe

Voltar às notícias