Salário mínimo pode aumentar apenas R$ 43 reais no próximo ano

Texto com proposta de correção para R$ 1.088 segue para sanção do presidente Jair Bolsonaro

Por Dyessica Abadi

Segue para sanção do presidente Jair Bolsonaro a proposta de correção do salário mínimo para R$ 1.088 a partir de janeiro do próximo ano. Sendo assim, o brasileiro teria apenas R$ 43 reais a mais no bolso, tendo em vista que o salário mínimo atual é de R$ 1.045. A correção foi feita utilizando como base apenas a previsão da inflação acumulada no ano, pois a regra que previa o aumento real (acima da inflação) deixou de vigorar ainda em 2019.

A proposta do reajuste salarial faz parte da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2021. O texto foi aprovado na quarta-feira, 16, na Câmara dos Deputados em votação rápida e simbólica (sem registro de votos no painel eletrônico). Em um âmbito geral, a LDO define as metas e prioridades do governo para o ano seguinte, como, por exemplo: déficit primário de R$ 247,1 bilhões como meta fiscal no próximo ano e prioridade para programa de habitação popular Casa Verde Amarela, entre outras questões.

Fonte: Agência Brasil

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Por Dyessica Abadi

Segue para sanção do presidente Jair Bolsonaro a proposta de correção do salário mínimo para R$ 1.088 a partir de janeiro do próximo ano. Sendo assim, o brasileiro teria apenas R$ 43 reais a mais no bolso, tendo em vista que o salário mínimo atual é de R$ 1.045. A correção foi feita utilizando como base apenas a previsão da inflação acumulada no ano, pois a regra que previa o aumento real (acima da inflação) deixou de vigorar ainda em 2019.

A proposta do reajuste salarial faz parte da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2021. O texto foi aprovado na quarta-feira, 16, na Câmara dos Deputados em votação rápida e simbólica (sem registro de votos no painel eletrônico). Em um âmbito geral, a LDO define as metas e prioridades do governo para o ano seguinte, como, por exemplo: déficit primário de R$ 247,1 bilhões como meta fiscal no próximo ano e prioridade para programa de habitação popular Casa Verde Amarela, entre outras questões.

Fonte: Agência Brasil

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Compartilhe

Voltar às notícias