População reclama de situação de ruas em Araranguá

Secretaria de Obras explica que não há muito o que fazer neste momento


A chuva não tem dado trégua nos últimos dias, com isso, muitos transtornos começam a surgir na Cidade das Avenidas. Buracos, alagamentos e vias praticamente intransitáveis tem se tornado comuns na maioria dos bairros de Araranguá. A reportagem do Grupo W3 tem recebido muitas reclamações dos moradores, por isso, reuniu todas elas e encaminhou à secretaria de Obras do município.


Em contato com o secretário, Guilherme Peruchi, as solicitações de melhorias foram repassadas, e ele explicou a situação em que o município se encontra. “Como a chuva não para, não há como mexermos nas ruas neste momento. Estamos percorrendo os bairros, monitorando, relacionando as localidades que precisam de reparos e planejando as ações que poderão ser feitas, assim que a chuva cessar e o solo estiver seco. Entendemos as solicitações da população e, inclusive, agradecemos ao Grupo W3 por nos repassar estas informações, estamos listando todas estas ruas e, assim que possível, trabalharemos nelas”, destaca.


Ainda de acordo com Peruchi, na tarde desta quinta-feira, 30, a secretaria também realizou o fechamento de uma das comportas do Rio Araranguá, no bairro Barranca, a fim de evitar o transbordamento do rio. “Na Barranca há um córrego que desemboca no Rio e, nessas épocas de cheias do Rio, nós realizamos o fechamento da comporta para que a água não avance para o bairro. O rio ainda não está cheio, a ponto de haver enchente, mas como a previsão é de chuva para a madrugada e para amanhã, 31, tomamos esta medida preventiva”, explica,


Confira algumas solicitações encaminhadas pela população à nossa reportagem:


Rua das Latânias, Loteamento Solar das Palmeiras, bairro Nova Divinéia



Rua Timbé do Sul, bairro Alto Feliz



Rua Turvo, bairro Urussanguinha




Bairro Operária



Rua Iracy Luchina, bairro Alto Feliz



Loteamento Vale do Sol, localidade Caverazinho




A chuva não tem dado trégua nos últimos dias, com isso, muitos transtornos começam a surgir na Cidade das Avenidas. Buracos, alagamentos e vias praticamente intransitáveis tem se tornado comuns na maioria dos bairros de Araranguá. A reportagem do Grupo W3 tem recebido muitas reclamações dos moradores, por isso, reuniu todas elas e encaminhou à secretaria de Obras do município.

Em contato com o secretário, Guilherme Peruchi, as solicitações de melhorias foram repassadas, e ele explicou a situação em que o município se encontra. “Como a chuva não para, não há como mexermos nas ruas neste momento. Estamos percorrendo os bairros, monitorando, relacionando as localidades que precisam de reparos e planejando as ações que poderão ser feitas, assim que a chuva cessar e o solo estiver seco. Entendemos as solicitações da população e, inclusive, agradecemos ao Grupo W3 por nos repassar estas informações, estamos listando todas estas ruas e, assim que possível, trabalharemos nelas”, destaca.

Ainda de acordo com Peruchi, na tarde desta quinta-feira, 30, a secretaria também realizou o fechamento de uma das comportas do Rio Araranguá, no bairro Barranca, a fim de evitar o transbordamento do rio. “Na Barranca há um córrego que desemboca no Rio e, nessas épocas de cheias do Rio, nós realizamos o fechamento da comporta para que a água não avance para o bairro. O rio ainda não está cheio, a ponto de haver enchente, mas como a previsão é de chuva para a madrugada e para amanhã, 31, tomamos esta medida preventiva”, explica,

Confira algumas solicitações encaminhadas pela população à nossa reportagem:

Rua das Latânias, Loteamento Solar das Palmeiras, bairro Nova Divinéia

Rua Timbé do Sul, bairro Alto Feliz

Rua Turvo, bairro Urussanguinha

Bairro Operária

Rua Iracy Luchina, bairro Alto Feliz

Loteamento Vale do Sol, localidade Caverazinho

Compartilhe

Voltar às notícias