Pai suspeito de sufocar até a morte bebê de um ano é preso em Siderópolis

Investigação está apurando a motivação do crime

Um crime bárbaro chocou os habitantes de Siderópolis, no Sul Catarinense, nesta segunda-feira, 07. Um homem de 24 anos é o principal suspeito de sufocar até a morte a própria filha de um ano e dois meses com um travesseiro.

Segundo informações da Polícia Militar, o pai ainda é tratado como suspeito, mas a mãe da bebê confirmou a ocorrência. O corpo da criança foi levado pelo Instituto Médico legal (IML), para realização da perícia. A investigação está apurando a motivação do crime.

Fonte: NSC Total

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Um crime bárbaro chocou os habitantes de Siderópolis, no Sul Catarinense, nesta segunda-feira, 07. Um homem de 24 anos é o principal suspeito de sufocar até a morte a própria filha de um ano e dois meses com um travesseiro.

Segundo informações da Polícia Militar, o pai ainda é tratado como suspeito, mas a mãe da bebê confirmou a ocorrência. O corpo da criança foi levado pelo Instituto Médico legal (IML), para realização da perícia. A investigação está apurando a motivação do crime.

Fonte: NSC Total

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Compartilhe

Voltar às notícias