Operação Integrada das forças de segurança intensifica fiscalização em Torres

Município gaúcho está na bandeira preta

Por Dyessica Abadi

Em Torres, no litoral gaúcho, a Brigada Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal, Fiscalização e Trânsito organizaram a Operação Integrada para orientar e fiscalizar o cumprimento das regras de prevenção ao Covid-19 na noite de sábado,20, e madrugada do último domingo, 21. O objetivo é fazer valer as medidas instituídas pelo Decreto 55.764, que restringe as atividades entre 22h e 5h em todas as regiões do Rio Grande do Sul — sendo proibida a abertura para atendimento ao público de todo e qualquer estabelecimento durante esse período.

Além disso, o decreto proíbe a realização de festas, reuniões ou eventos, formação de filas e aglomerações de pessoas nos recintos ou nas áreas internas e externas, de circulação ou de espera, assim como nas faixas de areia das praias, calçadas, portarias e entradas dos prédios e estabelecimentos, públicos ou privados. Em Torres, a Operação Integrada dividiu-se em duas etapas: para orientar os comerciantes sobre a restrição dos novos horários; e para dispersar aglomerações nos espaços públicos com maior concentração de jovens, como no Morro do Farol, Prainha, Laje, Praças e faixas de areia da orla.

Conforme o diretor de Segurança Pública da Prefeitura de Torres, Jairo Morelle, a operação não apresentou maiores intercorrências. "As ações ocorrerão durante a vigência do Decreto Estadual. Independentemente da bandeira, todas as 21 regiões devem seguir as medidas estabelecidas no decreto, que determinou a suspensão geral de atividades, incluindo estabelecimentos de atendimento ao público, reuniões, eventos, aglomerações e circulação de pessoas tanto em áreas internas quanto externas, em ambientes públicos ou privados, entre 22h e 5h", afirma o diretor.

O Decreto 55.764 tem vigência até as 5h do dia 2 de março.













Fonte: Prefeitura de Torres

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Por Dyessica Abadi

Em Torres, no litoral gaúcho, a Brigada Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal, Fiscalização e Trânsito organizaram a Operação Integrada para orientar e fiscalizar o cumprimento das regras de prevenção ao Covid-19 na noite de sábado,20, e madrugada do último domingo, 21. O objetivo é fazer valer as medidas instituídas pelo Decreto 55.764, que restringe as atividades entre 22h e 5h em todas as regiões do Rio Grande do Sul — sendo proibida a abertura para atendimento ao público de todo e qualquer estabelecimento durante esse período.

Além disso, o decreto proíbe a realização de festas, reuniões ou eventos, formação de filas e aglomerações de pessoas nos recintos ou nas áreas internas e externas, de circulação ou de espera, assim como nas faixas de areia das praias, calçadas, portarias e entradas dos prédios e estabelecimentos, públicos ou privados. Em Torres, a Operação Integrada dividiu-se em duas etapas: para orientar os comerciantes sobre a restrição dos novos horários; e para dispersar aglomerações nos espaços públicos com maior concentração de jovens, como no Morro do Farol, Prainha, Laje, Praças e faixas de areia da orla.

Conforme o diretor de Segurança Pública da Prefeitura de Torres, Jairo Morelle, a operação não apresentou maiores intercorrências. “As ações ocorrerão durante a vigência do Decreto Estadual. Independentemente da bandeira, todas as 21 regiões devem seguir as medidas estabelecidas no decreto, que determinou a suspensão geral de atividades, incluindo estabelecimentos de atendimento ao público, reuniões, eventos, aglomerações e circulação de pessoas tanto em áreas internas quanto externas, em ambientes públicos ou privados, entre 22h e 5h”, afirma o diretor.

O Decreto 55.764 tem vigência até as 5h do dia 2 de março.

Fonte: Prefeitura de Torres

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Compartilhe

Voltar às notícias