Maracajá registra 2698 pessoas totalmente vacinadas contra Covid-19

O Boletim da Covid-19 desta terça, dia,14, Maracajá registrou um caso ativo, 20 pessoas estão em monitoramento

Foto: Assessoria de imprensa

 O Ministério da Saúde anunciou recentemente, que 70 milhões de pessoas já foram vacinadas com duas doses ou a dose única da vacina contra a Covid-19 e completaram a imunização contra o novo coronavírus. Em Maracajá, o levantamento do Departamento de Saúde aponta para 2698 pessoas vacinadas com as duas doses.


                Segundo a diretora de Saúde de Maracajá, Michele Constantino Gonçalves, a última atualização do vacinômetro municipal apontou para 7572 doses aplicadas, sendo 4874 (1ª dose) e 2698 (2ª dose), o que corresponde respectivamente a 66,1% e 36,6% da população.  "Iniciamos na última semana a vacinação em pessoas com 17 anos e para darmos início a imunização em adolescentes a partir de 12 anos, como prevê o calendário estadual, teremos que aguardar a chegada de mais doses. Assim como para ampliar a aplicação da dose de reforço nos idosos, com 80 anos ou mais, que completaram o esquema vacinal com duas doses ou dose única há mais de seis meses", explica a diretora de Saúde.


                Segundo especialistas, completar o ciclo de imunização é a única forma eficaz de combater a pandemia e evitar casos graves de infecção. "Pedimos a todos os maracajaenses que já receberam a primeira dose, que compareçam para tomarem a segunda dose, somente dessa maneira vamos conseguir reduzir os casos e manter nosso município sem casos graves ou mortes pelo coronavírus", argumenta o prefeito Anibal Brambila.


Boletim Covid


No Boletim da Covid-19 desta terça, dia 14/09, Maracajá registrou um caso ativo, 20 pessoas estão sendo monitoradas, cinco aguardam resultados, e não há hospitalizados. "Durante algumas semanas chegamos a zerar os casos ativos, mas iniciamos a semana com quatro e hoje temos um caso ativo. O número de óbitos também está estabilizado e desde julho o município não registra mortes pelo vírus", detalha Michele.


Estado/País


Conforme a Secretária de Estado da Saúde, em Santa Catarina foram aplicadas 7.493.560 doses, sendo 4.943.090 (1ª dose - 68,16%) e 2.550.470 (2ª dose - 35,17%).


Já no Brasil foram mais de 136,9 milhões de primeiras doses aplicadas. O número, condiz a 85% da população maior de 18 anos. O Ministro Marcelo Queiroga acredita que até o final de outubro será possível vacinar todo público-alvo com as duas doses.



















































































































































17 anos



1ª dose: 52



2ª dose: -



18 a 19 anos



1ª dose: 84



2ª dose: 15



20 a 24 anos



1ª dose: 194



2ª dose: 35



25 a 29 anos



1ª dose: 250



2ª dose: 46



30 a 34 anos



1ª dose: 269



2ª dose: 20



35 a 39 anos



1ª dose: 323



2ª dose: 45



40 a 44 anos



1ª dose: 278



2ª dose: 62



45 a 49 anos



1ª dose: 287



2ª dose: 38



50 a 54 anos



1ª dose: 235



2ª dose: 112



55 a 59 anos



1ª dose: 251



2ª dose: 150



60 a 64 anos



1ª dose: 404



2ª dose: 367



65 a 69 anos



1ª dose: 327



2ª dose: 298



70 a 74 anos



1ª dose: 183



2ª dose: 178



75 a 79 anos



1ª dose: 115



2ª dose:104



80 a 84 anos



1ª dose: 55



2ª dose: 46



85 a 89 anos



1ª dose: 44



2ª dose: 42



90 anos ou +



1ª dose: 08



2ª dose: 08



Trab. da Saúde



1ª dose: 151



2ª dose: 142



Trab. Limpeza Urbana



1ª dose: 24



2ª dose: 21



Trab. da Indústria



1ª dose: 313



2ª dose: 167



Trab. da Educação



1ª dose: 173



2ª dose: 155



Caminhoneiros



1ª dose: 244



2ª dose: 107



Força de Segurança



1ª dose: 28



2ª dose: 31



Gestantes puérperas Comorbidades



1ª dose: 17



2ª dose: 11



Comorbidades



1ª dose: 482



2ª dose: 417



18 a 59 anos - Deficiência Permanente



1ª dose: 25



2ª dose: 24



Pessoas deficientes institucionalizadas



1ª dose: 05



2ª dose: 05



Pessoas deficientes Idosos



1ª dose: 53



2ª dose: 52



Fonte: Assessoria de imprensa 


Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

 O Ministério da Saúde anunciou recentemente, que 70 milhões de pessoas já foram vacinadas com duas doses ou a dose única da vacina contra a Covid-19 e completaram a imunização contra o novo coronavírus. Em Maracajá, o levantamento do Departamento de Saúde aponta para 2698 pessoas vacinadas com as duas doses.

                Segundo a diretora de Saúde de Maracajá, Michele Constantino Gonçalves, a última atualização do vacinômetro municipal apontou para 7572 doses aplicadas, sendo 4874 (1ª dose) e 2698 (2ª dose), o que corresponde respectivamente a 66,1% e 36,6% da população.  “Iniciamos na última semana a vacinação em pessoas com 17 anos e para darmos início a imunização em adolescentes a partir de 12 anos, como prevê o calendário estadual, teremos que aguardar a chegada de mais doses. Assim como para ampliar a aplicação da dose de reforço nos idosos, com 80 anos ou mais, que completaram o esquema vacinal com duas doses ou dose única há mais de seis meses”, explica a diretora de Saúde.

                Segundo especialistas, completar o ciclo de imunização é a única forma eficaz de combater a pandemia e evitar casos graves de infecção. “Pedimos a todos os maracajaenses que já receberam a primeira dose, que compareçam para tomarem a segunda dose, somente dessa maneira vamos conseguir reduzir os casos e manter nosso município sem casos graves ou mortes pelo coronavírus”, argumenta o prefeito Anibal Brambila.

Boletim Covid

No Boletim da Covid-19 desta terça, dia 14/09, Maracajá registrou um caso ativo, 20 pessoas estão sendo monitoradas, cinco aguardam resultados, e não há hospitalizados. “Durante algumas semanas chegamos a zerar os casos ativos, mas iniciamos a semana com quatro e hoje temos um caso ativo. O número de óbitos também está estabilizado e desde julho o município não registra mortes pelo vírus”, detalha Michele.

Estado/País

Conforme a Secretária de Estado da Saúde, em Santa Catarina foram aplicadas 7.493.560 doses, sendo 4.943.090 (1ª dose – 68,16%) e 2.550.470 (2ª dose – 35,17%).

Já no Brasil foram mais de 136,9 milhões de primeiras doses aplicadas. O número, condiz a 85% da população maior de 18 anos. O Ministro Marcelo Queiroga acredita que até o final de outubro será possível vacinar todo público-alvo com as duas doses.

17 anos

1ª dose: 52

2ª dose: –

18 a 19 anos

1ª dose: 84

2ª dose: 15

20 a 24 anos

1ª dose: 194

2ª dose: 35

25 a 29 anos

1ª dose: 250

2ª dose: 46

30 a 34 anos

1ª dose: 269

2ª dose: 20

35 a 39 anos

1ª dose: 323

2ª dose: 45

40 a 44 anos

1ª dose: 278

2ª dose: 62

45 a 49 anos

1ª dose: 287

2ª dose: 38

50 a 54 anos

1ª dose: 235

2ª dose: 112

55 a 59 anos

1ª dose: 251

2ª dose: 150

60 a 64 anos

1ª dose: 404

2ª dose: 367

65 a 69 anos

1ª dose: 327

2ª dose: 298

70 a 74 anos

1ª dose: 183

2ª dose: 178

75 a 79 anos

1ª dose: 115

2ª dose:104

80 a 84 anos

1ª dose: 55

2ª dose: 46

85 a 89 anos

1ª dose: 44

2ª dose: 42

90 anos ou +

1ª dose: 08

2ª dose: 08

Trab. da Saúde

1ª dose: 151

2ª dose: 142

Trab. Limpeza Urbana

1ª dose: 24

2ª dose: 21

Trab. da Indústria

1ª dose: 313

2ª dose: 167

Trab. da Educação

1ª dose: 173

2ª dose: 155

Caminhoneiros

1ª dose: 244

2ª dose: 107

Força de Segurança

1ª dose: 28

2ª dose: 31

Gestantes puérperas Comorbidades

1ª dose: 17

2ª dose: 11

Comorbidades

1ª dose: 482

2ª dose: 417

18 a 59 anos – Deficiência Permanente

1ª dose: 25

2ª dose: 24

Pessoas deficientes institucionalizadas

1ª dose: 05

2ª dose: 05

Pessoas deficientes Idosos

1ª dose: 53

2ª dose: 52

Fonte: Assessoria de imprensa 

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Compartilhe

Voltar às notícias