Mais de 150 projetos culturais são comtemplados pela Lei Aldir Blanc em Araranguá

Iniciou nesta semana o processo de prestação de contas para repasse do recurso

Por Dyessica Abadi

São 158 projetos em Araranguá que receberão recursos da Lei Aldir Blanc para fomento à cultura. Nesta segunda-feira, 07, foi iniciado o processo de prestação de contas para repasse do recurso. A Lei Aldir Blanc estabelece uma série de medidas emergências para o setor cultural e criativo, com o objetivo de amenizar os impactos da pandemia de Covid-19 no setor.

A diretora do Departamento de Cultura de Araranguá, Michelini Vargas, destaca que os projetos contemplados incluem todos os segmentos culturais. "Araranguá, durante esses 30 dias, teve 158 projetos apresentados: tivemos aulas virtuais de artes plásticas, livros, gravações de EP, entro outros segmentos", explica.

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Por Dyessica Abadi

São 158 projetos em Araranguá que receberão recursos da Lei Aldir Blanc para fomento à cultura. Nesta segunda-feira, 07, foi iniciado o processo de prestação de contas para repasse do recurso. A Lei Aldir Blanc estabelece uma série de medidas emergências para o setor cultural e criativo, com o objetivo de amenizar os impactos da pandemia de Covid-19 no setor.

A diretora do Departamento de Cultura de Araranguá, Michelini Vargas, destaca que os projetos contemplados incluem todos os segmentos culturais. “Araranguá, durante esses 30 dias, teve 158 projetos apresentados: tivemos aulas virtuais de artes plásticas, livros, gravações de EP, entro outros segmentos”, explica.

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Compartilhe

Voltar às notícias