Hospital de Timbé do Sul é o terceiro maior do estado em número de cirurgias

Atualmente o hospital é administrado pelo instituto Maria Schmitt.

Os números atuais são animadores e apresentam uma realidade muito diferente do passado marcado por períodos turbulentos, quando o Hospital Santo Antônio de Timbé do Sul chegou a ficar fechado por quase oito meses.


Atualmente administrado pelo Instituto Maria Schmitt e com apoio do Município de Timbé do Sul, o Hospital vem se tornando referência em cirurgias no Estado de Santa Catarina. São cirurgias realizadas nas áreas de Otorrinolaringologia, Cirurgia Vascular, Ortopedia, Ginecológicas, Urologia e Cirurgia Geral.


Com apenas 45 leitos e duas salas cirúrgicas, os números impressionam: Para se ter uma ideia, somente no mês de julho devem ser realizadas 172 cirurgias, um recorde, graças a um trabalho eficiente de gestão, funcionários extremamente capacitados e uma equipe médica comprometida com a Instituição.


Hospital de Timbé do Sul é o terceiro maior do estado em número de cirurgias-0

O Hospital Santo Antônio de Timbé do Sul, foi o terceiro hospital do Estado em número de procedimentos do mutirão de cirurgias no Estado de Santa Catarina, ficando atrás apenas dos Hospitais de Fraiburgo e Mafra.


“Nosso Instituto está provando que a saúde pública pode funcionar, desde que os recursos sejam usados de forma organizada e planejada”, afirma o vice-presidente do Instituto Maria Schmitt, Ricardo Ghelere.


Atualmente, o Hospital de Timbé do Sul recebe pacientes de várias cidades da região da Amesc e de outras regiões, como Criciúma, Forquilinha, Tubarão e até de Lages.


“Hospitais de pequeno porte para se manterem precisam utilizar suas salas cirúrgicas quase sempre na capacidade máxima, otimizando os custos e com isso tornando o hospital viável financeiramente”, reforça o Presidente do Instituto, Dr. Robson Schmitt Machado.


Hospital de Timbé do Sul é o terceiro maior do estado em número de cirurgias-1

Os números atuais são animadores e apresentam uma realidade muito diferente do passado marcado por períodos turbulentos, quando o Hospital Santo Antônio de Timbé do Sul chegou a ficar fechado por quase oito meses.

Atualmente administrado pelo Instituto Maria Schmitt e com apoio do Município de Timbé do Sul, o Hospital vem se tornando referência em cirurgias no Estado de Santa Catarina. São cirurgias realizadas nas áreas de Otorrinolaringologia, Cirurgia Vascular, Ortopedia, Ginecológicas, Urologia e Cirurgia Geral.

Com apenas 45 leitos e duas salas cirúrgicas, os números impressionam: Para se ter uma ideia, somente no mês de julho devem ser realizadas 172 cirurgias, um recorde, graças a um trabalho eficiente de gestão, funcionários extremamente capacitados e uma equipe médica comprometida com a Instituição.

Hospital de Timbé do Sul é o terceiro maior do estado em número de cirurgias-0

O Hospital Santo Antônio de Timbé do Sul, foi o terceiro hospital do Estado em número de procedimentos do mutirão de cirurgias no Estado de Santa Catarina, ficando atrás apenas dos Hospitais de Fraiburgo e Mafra.

“Nosso Instituto está provando que a saúde pública pode funcionar, desde que os recursos sejam usados de forma organizada e planejada”, afirma o vice-presidente do Instituto Maria Schmitt, Ricardo Ghelere.

Atualmente, o Hospital de Timbé do Sul recebe pacientes de várias cidades da região da Amesc e de outras regiões, como Criciúma, Forquilinha, Tubarão e até de Lages.

“Hospitais de pequeno porte para se manterem precisam utilizar suas salas cirúrgicas quase sempre na capacidade máxima, otimizando os custos e com isso tornando o hospital viável financeiramente”, reforça o Presidente do Instituto, Dr. Robson Schmitt Machado.

Hospital de Timbé do Sul é o terceiro maior do estado em número de cirurgias-1

Compartilhe

Voltar às notícias