Exposição “Primavera dos Museus”: onde e quando visitar

Exposição, no Memorial Casa do Agente Ferroviário Mario Ghisi, ficará acessível até o fim do ano

Foto: Divulgação

A Fundação Cultural de Criciúma (FCC) está estendendo a Primavera dos Museus até o fim deste ano. O evento nacional, promovido pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), tem o objetivo de aproximar esses locais históricos e a sociedade, contribuindo para a valorização dos espaços não formais de educação. O tema deste ano é "Museus: perdas e recomeços".

O Memorial Casa do Agente Ferroviário Mário Ghisi criou uma programação especial. Ela inclui uma intervenção fotográfica nas grades do terminal central, além de uma exposição no interior da casa.

"A nossa programação visa a suscitar reflexões a respeito das transformações ocorridas na cidade e, consequentemente, na vida, no cotidiano e nas ações das pessoas", explicou a historiadora e coordenadora do memorial, Fernanda Biava. "Espaços não formais, juntos das escolas, são fundamentais para nossa construção enquanto cidadãos. A FCC , como gestora desses espaços, nos deu respaldo imediato para que as ações propostas se concretizassem", ressaltou.

Banners foram fixados nas grades do terminal, espaço onde ficava a Estação Ferroviária até 1975. Através das fotos contidas neles, é possível ter uma ideia de como era o centro de "Cresciuma" de 1920. A exposição dentro do museu conta com fotografias de diversos períodos, frases e locais históricos da cidade, numa imersão pela história criciumense.

O Memorial Casa do Agente Ferroviário Mário Ghisi é aberto de segunda a sexta, das 8h às 12h, e das 13h às 17h. Escolas interessadas em visitar devem enviar um email para historiadora.fcc@criciuma.sc.gov.br, indicando a turma e turno, para que o cronograma possa ser montado. Para escolas municipais, a FCC disponibilizará o transporte caso seja necessário.

De acordo com Fernanda, a visita tem duração flexível, dependendo da disponibilidade do interessado, mas geralmente é de uma hora. Escolas de outros municípios também são bem-vindas, e a entrada é gratuita. Os visitantes recebem também uma recordação, que imita um bilhete de trem, para lembrar da participação na 15ª Primavera dos Museus. Mais informações sobre o local podem ser encontradas na página do instagram, @casadoagenteferroviario.

Fonte: Diretoria de Comunicação Criciúma

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui 

A Fundação Cultural de Criciúma (FCC) está estendendo a Primavera dos Museus até o fim deste ano. O evento nacional, promovido pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), tem o objetivo de aproximar esses locais históricos e a sociedade, contribuindo para a valorização dos espaços não formais de educação. O tema deste ano é “Museus: perdas e recomeços”.

O Memorial Casa do Agente Ferroviário Mário Ghisi criou uma programação especial. Ela inclui uma intervenção fotográfica nas grades do terminal central, além de uma exposição no interior da casa.

“A nossa programação visa a suscitar reflexões a respeito das transformações ocorridas na cidade e, consequentemente, na vida, no cotidiano e nas ações das pessoas”, explicou a historiadora e coordenadora do memorial, Fernanda Biava. “Espaços não formais, juntos das escolas, são fundamentais para nossa construção enquanto cidadãos. A FCC , como gestora desses espaços, nos deu respaldo imediato para que as ações propostas se concretizassem”, ressaltou.

Banners foram fixados nas grades do terminal, espaço onde ficava a Estação Ferroviária até 1975. Através das fotos contidas neles, é possível ter uma ideia de como era o centro de “Cresciuma” de 1920. A exposição dentro do museu conta com fotografias de diversos períodos, frases e locais históricos da cidade, numa imersão pela história criciumense.

O Memorial Casa do Agente Ferroviário Mário Ghisi é aberto de segunda a sexta, das 8h às 12h, e das 13h às 17h. Escolas interessadas em visitar devem enviar um email para historiadora.fcc@criciuma.sc.gov.br, indicando a turma e turno, para que o cronograma possa ser montado. Para escolas municipais, a FCC disponibilizará o transporte caso seja necessário.

De acordo com Fernanda, a visita tem duração flexível, dependendo da disponibilidade do interessado, mas geralmente é de uma hora. Escolas de outros municípios também são bem-vindas, e a entrada é gratuita. Os visitantes recebem também uma recordação, que imita um bilhete de trem, para lembrar da participação na 15ª Primavera dos Museus. Mais informações sobre o local podem ser encontradas na página do instagram, @casadoagenteferroviario.

Fonte: Diretoria de Comunicação Criciúma

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui 

Compartilhe

Voltar às notícias