CCR Via Costeira alerta para deslizamentos de terra nas marginais da BR-101 em Sombrio e Araranguá

Trânsito flui normalmente, porém, é preciso redobrar a atenção nas vias marginais

A CCR Via Costeira, conssecionária responsavel pela manutenção da BR-101 Sul de Santa Catarina, emitiu nota oficial na tarde desta quinta-feira, 10, alertando os motoristas que trafegam pela rodovia. O comunicado informa que o trânsito flui normalmente, porém, é preciso redobrar a atenção nas vias marginais em Sombrio e Araranguá.

Devido às fortes chuvas que atingiram o estado de Santa Catarina, houve o deslizamento de terra nas marginais da BR-101, o que ocasionou pontuais bloqueios de faixa. Ainda, a concessionária informa que continua monitorando eventuais pontos que possam causar interferência no tráfego.

O usuário pode obter mais informações sobre as condições da rodovia por meio do Disque CCR ViaCosteira pelo número 0800 255 5550, gratuitamente, pelo site www.ccrviacosteira.com.br ou pelo aplicativo CCR Rodovias Sul, disponível gratuitamente para iOS e Android.

Fonte: CCR Via Costeira

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

A CCR Via Costeira, conssecionária responsavel pela manutenção da BR-101 Sul de Santa Catarina, emitiu nota oficial na tarde desta quinta-feira, 10, alertando os motoristas que trafegam pela rodovia. O comunicado informa que o trânsito flui normalmente, porém, é preciso redobrar a atenção nas vias marginais em Sombrio e Araranguá.

Devido às fortes chuvas que atingiram o estado de Santa Catarina, houve o deslizamento de terra nas marginais da BR-101, o que ocasionou pontuais bloqueios de faixa. Ainda, a concessionária informa que continua monitorando eventuais pontos que possam causar interferência no tráfego.

O usuário pode obter mais informações sobre as condições da rodovia por meio do Disque CCR ViaCosteira pelo número 0800 255 5550, gratuitamente, pelo site www.ccrviacosteira.com.br ou pelo aplicativo CCR Rodovias Sul, disponível gratuitamente para iOS e Android.

Fonte: CCR Via Costeira

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Compartilhe

Voltar às notícias