Cai para 63% ocupação de leitos UTI Covid-19 nos hospitais da região sul

Dados vêm diminuindo gradativamente nas últimas semanas

Por Dyessica Abadi

A atualização desta segunda-feira do Centro de Operações de Emergência em Saúde (COES), do Governo do Estado, revela que 74,5% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratamento de infectados pela Covid-19 estão ocupados em todo o estado. Contudo, os dados são ainda mais animadores para a região sul: apenas 63,2% estão ocupados. A ocupação em hospitais da região vem diminuindo gradativamente nas últimas semanas.

Na semana anterior, o Hospital Regional de Araranguá (HRA) estava com 100% dos leitos UTI Covid-19 ocupados. Hoje, esse percentual é de apenas 65% — dos 20 leitos disponíveis, 13 estão ocupados e 7 seguem disponíveis.

Agora, o levantamento passou a contabilizar um leito de UTI Covid-19 no Hospital Materno Infantil Santa Catarina, em Criciúma, que está ocupado. Com essa exceção, não há registro de outros locais com ocupação máxima para tratamento de Covid-19.

O Hospital São José, de Criciúma, tem 35 leitos ativos, mas apenas 8 estão disponíveis — sendo a taxa de ocupação maior que 77%. Já o Hospital São Camilo, em Imbituba, é o que apresenta menor ocupação na região: dos 10 leitos ativos, apenas 3 estão ocupados, sendo o percentual de 30%.

A atualização de ocupação dos leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do HRA segue disponível para consulta no portal do Governo do Estado de Santa Catarina (acesse os dados completos clicando aqui).

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Por Dyessica Abadi

A atualização desta segunda-feira do Centro de Operações de Emergência em Saúde (COES), do Governo do Estado, revela que 74,5% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratamento de infectados pela Covid-19 estão ocupados em todo o estado. Contudo, os dados são ainda mais animadores para a região sul: apenas 63,2% estão ocupados. A ocupação em hospitais da região vem diminuindo gradativamente nas últimas semanas.

Na semana anterior, o Hospital Regional de Araranguá (HRA) estava com 100% dos leitos UTI Covid-19 ocupados. Hoje, esse percentual é de apenas 65% — dos 20 leitos disponíveis, 13 estão ocupados e 7 seguem disponíveis.

Agora, o levantamento passou a contabilizar um leito de UTI Covid-19 no Hospital Materno Infantil Santa Catarina, em Criciúma, que está ocupado. Com essa exceção, não há registro de outros locais com ocupação máxima para tratamento de Covid-19.

O Hospital São José, de Criciúma, tem 35 leitos ativos, mas apenas 8 estão disponíveis — sendo a taxa de ocupação maior que 77%. Já o Hospital São Camilo, em Imbituba, é o que apresenta menor ocupação na região: dos 10 leitos ativos, apenas 3 estão ocupados, sendo o percentual de 30%.

A atualização de ocupação dos leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do HRA segue disponível para consulta no portal do Governo do Estado de Santa Catarina (acesse os dados completos clicando aqui).

Quer receber notícias pelo WhatsApp? Clique aqui

Compartilhe

Voltar às notícias