Blog Resenha em Pauta: 15 Filmes para assistir na quarentena – Parte 01

Blog Resenha em Pauta, 22/05/2020

Primeiramente já quero começar com um grande pedido de desculpas por ficar tanto tempo sem escrever, a vida estava uma correria só e como nesse período de pandemia, tudo desacelerou, consegui voltar e pretendo voltar a manter a rotina de posts por aqui, me perdoem por favor!

Para começar, já venho agradando vocês com uma lista de 15 filmes (dividida em 3 partes) para vocês não ficarem tão bravos pelo sumiço hahaha, bora?

1 – Trumbo: Lista Negra

Esse foi um dos primeiros que assisti desde que o isolamento social começou, sabe aquele filme que fica lá na sua lista do aplicativo e você nunca vê? Pois então, com o confinamento, coloquei todos estes em dia e “Trumbo: Lista Negra” foi um deles.



O Filme baseado em fatos reais traz a história do roteirista Dalton Trumbo, um dos mais elogiados e premiados profissionais de Hollywood vivido por Bryan Cranston. No Longa, Trumbo vem recebendo uma série de ameaças e é investigado pelo comitê de atividades antiamericanas do congresso, por se aliar a grupos comunistas e transmitir sua propaganda em seus filmes. Ele e outros profissionais da indústria do cinema são colocados em uma “Lista Negra” que fazem com que não sejam mais chamados para trabalhar. Durante esse período, Trumbo escreveu vários roteiros, mas com nomes fantasmas ou de outros amigos roteiristas que não estavam na lista, para poder sustentar sua família. No filme ainda é perseguido pela lendária colunista de fofocas Hedda Hopper e pelo ator John Wayne e apoiado por tantos outros, como Kirk Douglas.

Na vida real, Dalton Trumbo só recebeu o reconhecimento da academia do Oscar pelas suas obras em 1993, 17 anos após sua morte.

Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=n0dZ_2ICpJE

2 – O Grande Hotel Budapeste

Este é um dos maiores sucessos de 2014, chegou a ser indicado ao Oscar de melhor filme naquele ano e ganhou o Globo de Ouro de melhor filme de comédia ou musical.

A história se passa obviamente no Hotel Budapeste e mostra dois exemplos de dedicação ao trabalho, Monsier Gustave H. (Ralph Fiennes) e seu amigo Zero Moustafa (Tony Revolori, quando jovem; F. Murray Abraham, quando velho) são os homens que tocam o hotel-título do filme, fazendo de tudo para manter os fiéis hóspedes felizes e se sentindo amados.



Mas quando ocorre o assassinato de uma das senhoras milionárias que se hospedam por lá, interpretada por Tilda Swinton – que passava horas na cadeira de maquiagem para se parecer com uma idosa de quase 90 anos - , e o crime envolve uma grande herança, Monsier Gustave passa a ser o principal suspeito. Entretanto, com a ajuda de seu fiel companheiro, ele acaba se envolvendo em uma atrapalhada investigação para provar sua inocência.

Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=sF7hAbQR7kk

3 – O Exótico Hotel Marigold

Pegando onda nos hotéis, vamos mais um que tem um enredo em torno de um hotel famoso, no caso ao contrário do Budapeste, o Marigold está em péssimas condições e a beira da falência, porém é muito receptivo e unirá a história de 7 pessoas totalmente diferentes.

Com um elenco de dar inveja em qualquer produção juntando várias lendas do cinema inglês, dentre eles: Judi Dench, Maggie Smith, Bill Nighy, Celia Imrie, Tom Wilkinson e Dev Patel, a história se passa na Índia, onde o sonhador proprietário do Hotel Marigold, Soony, deseja transformá-lo em uma referência em toda a Índia, mas o jovem está quase falido e não recebe apoio nenhum da família rica que possui.



O que ele não esperava era receber um grupo de aposentados ingleses, com histórias totalmente diferentes, mas igualmente interessantes, que envolvem amor, redenção, arrependimento, e renovação que prometem mudar totalmente a rotina do hotel.

Um filme recheado de cenas lindas, uma fotografia impecável e atores do alto escalão, têm como ser melhor?

Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=XWG6bGJ4QPw

4 – Notas sobre um escândalo

Esse talvez, foi um dos melhores que assisti na quarentena, estrelado por duas das minhas atrizes preferidas, Cate Blanchett e Judi Dench, o longa mostra a vida da professora de ensino fundamental Sheba (Blanchett) recém chegada a uma escola pública inglesa e que não possui muita autoridade dento da sala de aula, ao contrário de Barbara (Dench) que há mais de 20 anos leciona na mesma escola e é tida como “tirana” pelos alunos.



As duas se tornam improváveis amigas e quando um dos segredos de Sheba, que está tendo um caso com um aluno menor de idade vem á tona, Barbara o usa como vantagem para se aproximar ainda mais da professora, o que desencadeia uma série de acontecimentos bizarros e psicóticos.

Ambas atrizes foram indicadas ao Oscar de 2006 pelas suas atuações impactantes, vale MUITO a pena ver essas duas lendas em cena.

Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=NGijD3A_E0I

5 – O chamado

Eu sei, eu sei, você que está lendo está se perguntando “Nossa mas ele está indicando um filme tão antigo” sim estou. Há tempos não temos um filme de terror tão bem estruturado e que nos envolve tão bem na trama como em “O Chamado” de 2002 estrelado por Naomi Watts.

O filme conta a história de pessoas que assistiram a uma fita cassete (tão anos 2000 não é?) com imagens perturbadoras e acabaram morrendo misteriosamente 7 dias após assisti-las.  A jornalista Rachel (Naomi Watts) começa a investigar a morte da sobrinha que teria assistido a fita e se depara com uma trama mortal envolvendo uma maldição e um espírito com sede de vingança.



O Filme se tornou febre nos anos 2000 e entrou para sempre na cultura pop mundial e se tornou referência para várias sátiras ao longo dos anos, como no filme “Todo mundo em pânico 3”.

Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=8oiHy_yoJHQ

Primeiramente já quero começar com um grande pedido de desculpas por ficar tanto tempo sem escrever, a vida estava uma correria só e como nesse período de pandemia, tudo desacelerou, consegui voltar e pretendo voltar a manter a rotina de posts por aqui, me perdoem por favor!

Para começar, já venho agradando vocês com uma lista de 15 filmes (dividida em 3 partes) para vocês não ficarem tão bravos pelo sumiço hahaha, bora?

1 – Trumbo: Lista Negra

Esse foi um dos primeiros que assisti desde que o isolamento social começou, sabe aquele filme que fica lá na sua lista do aplicativo e você nunca vê? Pois então, com o confinamento, coloquei todos estes em dia e “Trumbo: Lista Negra” foi um deles.

O Filme baseado em fatos reais traz a história do roteirista Dalton Trumbo, um dos mais elogiados e premiados profissionais de Hollywood vivido por Bryan Cranston. No Longa, Trumbo vem recebendo uma série de ameaças e é investigado pelo comitê de atividades antiamericanas do congresso, por se aliar a grupos comunistas e transmitir sua propaganda em seus filmes. Ele e outros profissionais da indústria do cinema são colocados em uma “Lista Negra” que fazem com que não sejam mais chamados para trabalhar. Durante esse período, Trumbo escreveu vários roteiros, mas com nomes fantasmas ou de outros amigos roteiristas que não estavam na lista, para poder sustentar sua família. No filme ainda é perseguido pela lendária colunista de fofocas Hedda Hopper e pelo ator John Wayne e apoiado por tantos outros, como Kirk Douglas.

Na vida real, Dalton Trumbo só recebeu o reconhecimento da academia do Oscar pelas suas obras em 1993, 17 anos após sua morte.

Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=n0dZ_2ICpJE

2 – O Grande Hotel Budapeste

Este é um dos maiores sucessos de 2014, chegou a ser indicado ao Oscar de melhor filme naquele ano e ganhou o Globo de Ouro de melhor filme de comédia ou musical.

A história se passa obviamente no Hotel Budapeste e mostra dois exemplos de dedicação ao trabalho, Monsier Gustave H. (Ralph Fiennes) e seu amigo Zero Moustafa (Tony Revolori, quando jovem; F. Murray Abraham, quando velho) são os homens que tocam o hotel-título do filme, fazendo de tudo para manter os fiéis hóspedes felizes e se sentindo amados.

Mas quando ocorre o assassinato de uma das senhoras milionárias que se hospedam por lá, interpretada por Tilda Swinton – que passava horas na cadeira de maquiagem para se parecer com uma idosa de quase 90 anos – , e o crime envolve uma grande herança, Monsier Gustave passa a ser o principal suspeito. Entretanto, com a ajuda de seu fiel companheiro, ele acaba se envolvendo em uma atrapalhada investigação para provar sua inocência.

Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=sF7hAbQR7kk

3 – O Exótico Hotel Marigold

Pegando onda nos hotéis, vamos mais um que tem um enredo em torno de um hotel famoso, no caso ao contrário do Budapeste, o Marigold está em péssimas condições e a beira da falência, porém é muito receptivo e unirá a história de 7 pessoas totalmente diferentes.

Com um elenco de dar inveja em qualquer produção juntando várias lendas do cinema inglês, dentre eles: Judi Dench, Maggie Smith, Bill Nighy, Celia Imrie, Tom Wilkinson e Dev Patel, a história se passa na Índia, onde o sonhador proprietário do Hotel Marigold, Soony, deseja transformá-lo em uma referência em toda a Índia, mas o jovem está quase falido e não recebe apoio nenhum da família rica que possui.

O que ele não esperava era receber um grupo de aposentados ingleses, com histórias totalmente diferentes, mas igualmente interessantes, que envolvem amor, redenção, arrependimento, e renovação que prometem mudar totalmente a rotina do hotel.

Um filme recheado de cenas lindas, uma fotografia impecável e atores do alto escalão, têm como ser melhor?

Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=XWG6bGJ4QPw

4 – Notas sobre um escândalo

Esse talvez, foi um dos melhores que assisti na quarentena, estrelado por duas das minhas atrizes preferidas, Cate Blanchett e Judi Dench, o longa mostra a vida da professora de ensino fundamental Sheba (Blanchett) recém chegada a uma escola pública inglesa e que não possui muita autoridade dento da sala de aula, ao contrário de Barbara (Dench) que há mais de 20 anos leciona na mesma escola e é tida como “tirana” pelos alunos.

As duas se tornam improváveis amigas e quando um dos segredos de Sheba, que está tendo um caso com um aluno menor de idade vem á tona, Barbara o usa como vantagem para se aproximar ainda mais da professora, o que desencadeia uma série de acontecimentos bizarros e psicóticos.

Ambas atrizes foram indicadas ao Oscar de 2006 pelas suas atuações impactantes, vale MUITO a pena ver essas duas lendas em cena.

Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=NGijD3A_E0I

5 – O chamado

Eu sei, eu sei, você que está lendo está se perguntando “Nossa mas ele está indicando um filme tão antigo” sim estou. Há tempos não temos um filme de terror tão bem estruturado e que nos envolve tão bem na trama como em “O Chamado” de 2002 estrelado por Naomi Watts.

O filme conta a história de pessoas que assistiram a uma fita cassete (tão anos 2000 não é?) com imagens perturbadoras e acabaram morrendo misteriosamente 7 dias após assisti-las.  A jornalista Rachel (Naomi Watts) começa a investigar a morte da sobrinha que teria assistido a fita e se depara com uma trama mortal envolvendo uma maldição e um espírito com sede de vingança.

O Filme se tornou febre nos anos 2000 e entrou para sempre na cultura pop mundial e se tornou referência para várias sátiras ao longo dos anos, como no filme “Todo mundo em pânico 3”.

Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=8oiHy_yoJHQ

Compartilhe

Voltar ao blog