Blog Juliana Astrologia: as casas no mapa natal

O mapa astral é o retrato do céu no momento do nosso nascimento. Então na leitura de um mapa natal temos os signos e eles estão dispostos em casas. Essas casas correspondem à mandala astrológica e são divididas em 12 partes. Cada divisão representa uma casa e possui um significado em nossa vida e uma correlação com um signo. Por exemplo, a casa 11 está associada ao signo de Aquário e corresponde as nossas amizades e projetos de futuro.

As casas natais representam áreas da nossa vida e cada uma refere-se a um assunto distinto. Em resumo, a casa 1 trata da nossa personalidade, a casa 2 dos recursos financeiros, a casa 3 do aprendizado, a casa 4 da família, a casa 5 do divertimento, a casa 6 do trabalho, a casa 7 do casamento, a casa 8 das crises, a casa 9 das grandes viagens, a casa 10 da carreira, a casa 11 dos amigos e a casa 12 da espiritualidade. Obviamente, as casas natais têm significados mais profundos e abrangentes e nos informam quais áreas da vida são mais relevantes para nós.

Através da leitura do mapa natal, verificamos que todos os signos estão presentes em nossa vida, no entanto, em áreas distintas. Quando dissemos que somos do signo de Libra é porque o nosso sol estava em Libra quando nascemos, no entanto, temos outros planetas nos influenciando. A casa onde está o nosso sol é de grande importância e corresponde a área da vida em que iremos nos destacar mais e sentir maior vitalidade. A casa onde está o planeta Júpiter informa em qual área da vida somos agraciados por bênçãos e onde prosperamos com maior facilidade. Na casa onde está o planeta Vênus também temos benefícios, prazer, e também é uma indicação de onde podemos encontrar pares amorosos. Na casa onde temos o planeta Saturno, podemos ter restrições e somos constantemente cobrados por uma conduta mais correta da vida.

O mapa astral é o retrato do céu no momento do nosso nascimento. Então na leitura de um mapa natal temos os signos e eles estão dispostos em casas. Essas casas correspondem à mandala astrológica e são divididas em 12 partes. Cada divisão representa uma casa e possui um significado em nossa vida e uma correlação com um signo. Por exemplo, a casa 11 está associada ao signo de Aquário e corresponde as nossas amizades e projetos de futuro.

As casas natais representam áreas da nossa vida e cada uma refere-se a um assunto distinto. Em resumo, a casa 1 trata da nossa personalidade, a casa 2 dos recursos financeiros, a casa 3 do aprendizado, a casa 4 da família, a casa 5 do divertimento, a casa 6 do trabalho, a casa 7 do casamento, a casa 8 das crises, a casa 9 das grandes viagens, a casa 10 da carreira, a casa 11 dos amigos e a casa 12 da espiritualidade. Obviamente, as casas natais têm significados mais profundos e abrangentes e nos informam quais áreas da vida são mais relevantes para nós.

Através da leitura do mapa natal, verificamos que todos os signos estão presentes em nossa vida, no entanto, em áreas distintas. Quando dissemos que somos do signo de Libra é porque o nosso sol estava em Libra quando nascemos, no entanto, temos outros planetas nos influenciando. A casa onde está o nosso sol é de grande importância e corresponde a área da vida em que iremos nos destacar mais e sentir maior vitalidade. A casa onde está o planeta Júpiter informa em qual área da vida somos agraciados por bênçãos e onde prosperamos com maior facilidade. Na casa onde está o planeta Vênus também temos benefícios, prazer, e também é uma indicação de onde podemos encontrar pares amorosos. Na casa onde temos o planeta Saturno, podemos ter restrições e somos constantemente cobrados por uma conduta mais correta da vida.

Compartilhe

Voltar ao blog