Assinatura do Projeto Recuperar acontece nesta terça-feira, 16

Os detalhes sobre rodoviais contempladas e valores destinados a cada uma serão revelados durante o ato de assinatura do contrato

Está marcada para esta terça-feira, 16, a assinatura do convênio para a implementação do Projeto Recuperar na região do Extremo Sul de Santa Catarina. Os recursos no valor de R$ 3.768.554,80 serão destinados para a roçada, sinalização e operação tapa-buraco das rodovias estaduais dos municípios da AMESC (Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense). Os detalhes sobre rodoviais contempladas e valores destinados a cada uma serão revelados durante o ato de assinatura do contrato.

O ato ocorrerá às 15 horas no Palácio da Agronômica e contará com a presença do presidente da AMESC, prefeito de Balneário Gaivota, Ronaldo Pereira da Silva, e o presidente do Consórcio Multifinalitário de Gestão Pública da AMESC (CIMGEPA), prefeito de Turvo, Tiago Zilli. Os representantes da região irão assinar o contrato junto ao governador do estado, Carlos Moisés.

O Projeto Recuperar começou a ser implantado em 2019 quando o Governo de Santa Catarina mudou a forma de administrar e fazer a manutenção das rodovias estaduais. Com a criação da ação, firmou-se parcerias com municípios através de consórcios interfederativos, funcionando de forma colaborativa: o Governo do Estado repassa os recursos para execução dos trabalhos e os municípios, ligados aos consórcios, apontam os trechos e os serviços prioritários nas rodovias.

Com a assinatura do contrato nesta terça-feira, 16, será apresentada a divisão dos recursos para as estradas estaduais no Vale do Araranguá.

Está marcada para esta terça-feira, 16, a assinatura do convênio para a implementação do Projeto Recuperar na região do Extremo Sul de Santa Catarina. Os recursos no valor de R$ 3.768.554,80 serão destinados para a roçada, sinalização e operação tapa-buraco das rodovias estaduais dos municípios da AMESC (Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense). Os detalhes sobre rodoviais contempladas e valores destinados a cada uma serão revelados durante o ato de assinatura do contrato.

O ato ocorrerá às 15 horas no Palácio da Agronômica e contará com a presença do presidente da AMESC, prefeito de Balneário Gaivota, Ronaldo Pereira da Silva, e o presidente do Consórcio Multifinalitário de Gestão Pública da AMESC (CIMGEPA), prefeito de Turvo, Tiago Zilli. Os representantes da região irão assinar o contrato junto ao governador do estado, Carlos Moisés.

O Projeto Recuperar começou a ser implantado em 2019 quando o Governo de Santa Catarina mudou a forma de administrar e fazer a manutenção das rodovias estaduais. Com a criação da ação, firmou-se parcerias com municípios através de consórcios interfederativos, funcionando de forma colaborativa: o Governo do Estado repassa os recursos para execução dos trabalhos e os municípios, ligados aos consórcios, apontam os trechos e os serviços prioritários nas rodovias.

Com a assinatura do contrato nesta terça-feira, 16, será apresentada a divisão dos recursos para as estradas estaduais no Vale do Araranguá.

Compartilhe

Voltar às notícias